Escrito por Tendenzias

Dicas sob gravidez

O teste de gravidez finalmente mostrou que está grávida!

A gravidez pode trazer muita felicidade a uma família. No entanto, também pode trazer inúmeros riscos para a mãe e para o bebê. É, muitas vezes, um dos eventos mais aguardados na vida de uma mulher, especialmente se foi difícil engravidar. Significa isto, que deve de tomar algumas precauções para manter a sua saúde e a do bebê.

Dicas importantes são:

Nutrição: Você deve continuar se alimentando por uma, não por duas pessoas. Uma grávida em média necessita apenas de 300 calorias a mais por dia. Mantenha hábitos como comer verduras, frutas, cereais, leite e proteínas. A alimentação saudável é rica em vitaminas e sais minerais fundamentais neste período. Deveria elevar seu peso em 9 a 12 Kilos.
Álcool: atinge o feto através da placenta, pode restringir o crescimento e causar complicações cardíacas e má-formação facial. Além disso é a maior causa de retardamento mental não-genética.

Fumo: fumantes são mais susceptíveis a abortos ou dar à luz a bebês prematuros com o maior risco de problemas cardíacos, infecções do trato respiratório superior e síndrome de morte súbita, além de afetar o ganho de peso do bebê.

Exercícios: evite os que expõem o abdómen a potenciais traumas como patinação, andar de bicicleta, ou exercícios bruscos após a vigésima semana. Mas ande, nade, corra; mas cheque sempre sua pulsação para ter certeza que não está acima de 140 batidas por minuto por mais de 20 minutos. Isto poderia desviar muito sangue do feto.

Sexo: divirta-se. Movimentos do fluido amniótico abranda o bebê.
DST (Doenças Sexualmente Transmissíveis): realize teste de HIV (Sida), Sífilis e gonorréia – preferencialemente antes de engravidar. Gonorréia pode infectar os olhos do bebê no nascimento; Sífilis pode causar má-formação congênita.

As infecções do trato urinário são vulgares durante a gravidez, detectadas muitas vezes através do combour test. Quer sejam assintomáticas ou não, constituem um risco para a mãe e para o feto, pelo que a prevenção destas é essencial:
• Ingerir bastantes líquidos
• Higiene pessoal cuidada

• Esvaziar a bexiga sempre que sentir necessidade
Roupa interior confortável (evitar fibras)
• Não usar anti-sépticos, desodorizantes, talco ou perfume na região vaginal
• Depois de urinar ou evacuar, limpar-se sempre de frente para traz
• Lavar-se sempre com água depois de ter relações sexuais

Vão haver muitas alterações no seu corpo e no seu dia-a-dia, e junto com elas virão as dúvidas ao longo dos próximos nove meses.

Lo más interesante
Top 6
artículos
Siga-nos